Pesquisar
Close this search box.

CONQUISTE SEU LUGAR NA INTERNET COM SITES PROFISSIONAIS E PELO MENOR PREÇO. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS!

<<  VOLTAR AO INÍCIO

prós e contras de cada videogame

prós e contras de cada videogame

Compartilhe este conteúdo!

[ad_1]

Se a sua ideia é comprar um videogame moderno, é comum ficar em dúvida entre quatro opções: levar para casa um PlayStation 5, as versões S e X do Xbox Series ou um Nintendo Switch.

Vamos começar pela boa notícia: independentemente da escolha, você estará bem servido.

São consoles com uma boa variedade de jogos, possibilidade de jogar online e que oferecem horas e mais horas de diversão.

É inevitável, porém, citar que cada um desses aparelhos têm pontos fortes e pontos fracos e que, ao seu jeito, tendem a agradar mais ou menos determinado público.

Abaixo vamos listar justamente esses prós e contras de cada um deles.

Confira:

PlayStation 5

Imagem: Future Publishing/Getty Images

Preço: R$ 4.464,90 à vista (6% de desconto)

Console mais recente de uma linhagem que começou em meados dos anos 1990, o PlayStation 5 se apoia bastante em sua linha de exclusivos, que conta com games populares e queridos do público, caso de God of War, Gran Turismo e Horizon. Além deles, claro, games multiplataformas costumam sair com a mesma qualidade que a vista nos consoles Xbox.

Juntamente com os modelos Xbox, da Microsoft, o PS5 também tem no poder gráfico um argumento forte de vendas, somado aos recursos inovadores de seu controle DualSense, o que ajuda na imersão nos games.

É um aparelho indicado, portanto, para quem se apega à qualidade gráfica e costuma jogar em TVs grandes e de alta resolução.

Ainda na competição com o rival da Microsoft, o PS5 conta, no momento, com uma oferta maior de jogos exclusivos de franquias consagradas.

Ainda há de se considerar a remodelação que a Sony fez no serviço PlayStation Plus, que passou a funcionar de forma mais parecida com o Xbox Game Pass: ao assinar o serviço, você tem acesso a uma lista de games que podem ser jogados sem custo adicional. Essa lista, porém, ainda é um tanto tímida perto da oferecida pelo concorrente.

Dentro os pontos negativos do console estão os altos preços, tanto do aparelho em si quanto dos games que estão em fase de lançamento.

Se a ideia é economizar, vale controlar a ansiedade e só pegar jogos algum tempo após eles serem lançados. Outra dica é aproveitar pacotes, como um disponível na Amazon que traz, além do videogame, uma cópia do jogo Horizon Forbidden West, um dos mais elogiados do ano.

Xbox Series S

Xbox Series S - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Preço: de R$ 2.649 por R$ 2.120 (26% de desconto)

A Microsoft começou sua história no ramo de consoles em novembro de 2001 e, de lá para cá, foram lançadas quatro gerações de aparelhos. A atual é o Xbox Series, que tem duas versões: o Series S e o Series X.

O modelo de entrada é o Series S e seu argumento principal é o custo-benefício. Ele possui especificações similares às do Series X, sendo levemente menos poderoso. Para custar menos, ele também perde o leitor de discos e tem um espaço de armazenamento interno inferior ao do “irmão”, com 500 GB.

O grande ponto positivo do modelo é o seu preço extremamente competitivo, sendo a forma mais barata para se ter um console da atual geração. Isso, somado ao Xbox Game Pass —serviço que oferece um cardápio de centenas de jogos mediante uma assinatura—, faz do aparelho o campeão quando a ideia é jogar mais pagando menos.

Por outro lado, suas limitações podem incomodar jogadores mais “hardcore”. O espaço interno vai exigir que você fique apagando e baixando jogos com frequência —é recomendado ter um bom plano de internet para evitar aborrecimentos com isso.

Além disso, o hardware mais limitado do que o irmão pode ser um impeditivo para quem busca obter o máximo da experiência visual da atual geração.

Xbox Series X

Xbox Series X - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Preço: de R$ 4.855 por R$ 4.226,55 (13% de desconto)

Já o Xbox Series X é o console “completão” da Microsoft no momento. Em termos de especificações, sem entrarmos em detalhes, dá para considerar um empate técnico entre ele e o PS5. Ou seja: ambos os aparelhos oferecem o que há de mais avançado em tecnologia para consoles.

Assim como seu irmão menos poderoso, ele se vale bastante do catálogo do Xbox Game Pass e, sem exageros, quem comprar um desses aparelhos pode passar bem sem comprar games à parte —o que, claro, depende do gosto do freguês.

Por outro lado, tanto o Series S quanto o Series X ainda sofre com a pequena quantidade de games exclusivos de peso se compararmos aos lançados para PlayStation 5 e Switch. É algo que deve melhorar nos próximos meses, mas ainda assim é bom que o comprador esteja ciente disso.

Nintendo Switch

Nintendo Switch - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Preço: de R$ 2.469 por R$ 2.178 (12% de desconto)

Dos atuais aparelhos, o Nintendo Switch é o veterano da turma. Lançado no início de 2017, ele já sente um pouco o peso da idade. E isso traz pontos positivos e negativos.

Começando pelos positivos: quem comprar um Switch hoje pagará menos e terá um aparelho maduro em mãos, com um catálogo impressionante de jogos —vários de peso, como The Legend of Zelda: Breath of the Wild e Super Mario Odyssey—, além do serviço Nintendo Switch Online, que tem um catálogo de jogos clássicos de plataformas como Nintendinho, Super Nintendo, Nintendo 64 e Mega Drive.

Outra vantagem do Switch é o seu conceito de console híbrido: ele pode ser jogado tanto plugado em uma TV quanto como console portátil, uma versatilidade que seus concorrentes definitivamente não têm. Os controles destacáveis joy-con também permitem que duas pessoas joguem ao mesmo tempo sem a necessidade de se ter um acessório adicional.

Há, porém, alguns pontos negativos. Um deles é o poder bruto do aparelho, consideravelmente inferior ao dos rivais. Ainda que muitos games se apoiem na parte artística para, de fato, serem bonitos, não espere gráficos realistas em títulos do Switch, tampouco um desempenho estável em games mais pesados.

Games multiplataformas costumam ter versões exclusivas para o Switch com recursos e gráficos limitados em relação ao que é visto em PS5 e nos Xbox novos. Se você não perde um Fifa ou um Call of Duty, pode se decepcionar com o console da Nintendo.

Por fim, o preço dos jogos costuma ser mais salgado do que os da concorrência. E isso fica ainda pior pelo fato de que, ao contrário do que ocorre com PS5 e Xbox, não há um serviço que ofereça um catálogo abrangente de jogos atuais mediante assinatura.

A gente escolhe cada produto criteriosamente, de forma independente, e checa os preços na data da publicação (ou seja, podem variar!). Ao comprar pelo nosso link, ganhamos uma comissão, mas você não paga a mais por isso.

Uma dica: costuma fazer compras online? Ao assinar o Amazon Prime, você pode ter entrega grátis e rápida para diversas compras em qualquer lugar do Brasil por R$ 14,90 (o primeiro mês de teste é grátis).

[ad_2]

UOL

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

MAIS ACESSADOS:

PUBLICIDADE: