Pesquisar
Close this search box.

CONQUISTE SEU LUGAR NA INTERNET COM SITES PROFISSIONAIS E PELO MENOR PREÇO. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS!

<<  VOLTAR AO INÍCIO

James Webb faz registro incrível de Netuno e seus anéis; veja fotos

James Webb faz registro incrível de Netuno e seus anéis; veja fotos

Compartilhe este conteúdo!

[ad_1]

O Telescópio Espacial James Webb registrou novas imagens de tirar o fôlego. O alvo da vez foi Netuno, o último planeta do Sistema Solar. Podemos vê-lo em detalhes sem precedentes, incluindo seus anéis e luas.

As imagens foram divulgadas hoje (21), pela Nasa e a Esa (Agência Espacial Europeia), parceiras no projeto do telescópio. Recentemente, ele também registrou Júpiter e Marte de maneira impressionante.

Netuno aparece com a maior nitidez já vista. Compare abaixo com os registros do Telescópio Hubble, em 2021, e da sonda Voyager 2, em 1989:

Comparação dos registros de Netuno, desde a sonda Voyager 2 até o mais recente, do James Webb

Imagem: NASA, ESA, CSA, STScI

Na luz visível, a mesma que enxergamos com nossos olhos, o planeta é azulado. Nos registros do James Webb, porém, ele ganhou um aspecto etéreo e brilhante, pois foi observado, pela primeira vez, em comprimentos infravermelhos de luz, pelos potentes instrumentos do telescópio.

Assim, foram revelados detalhes até então invisíveis, como sua atmosfera, as faixas claras de poeira e a totalidade de seus anéis — como os de Saturno, mas muito tênues, que haviam sido observados apenas na década de 1980, quando a Voyager 2 sobrevoou o planeta.

“Faz mais de 30 anos desde quando vimos pela última vez estes anéis fracos de poeira; e esta é a primeira vez que os observamos na luz infravermelha”, disse Heidi Hammel, cientista interdisciplinar do Webb.

netuno - NASA, ESA, CSA, STScI - NASA, ESA, CSA, STScI

Além dos anéis, é possível observar Tritão, maior lua de Netuno, com a forma de um floco de neve

Imagem: NASA, ESA, CSA, STScI

Também podemos ver sete das 14 luas conhecidas do planeta: Tritão (a maior e mais afastada delas), Galateia, Náiade, Talassa, Despina, Proteu e Larissa.

Tritão, onde há muito nitrogênio condensado, reflete cerca de 70% da luz solar que o atinge. Por isso, o satélite natural parece tão brilhante quanto uma estrela.

As imagens foram capturadas pelo principal instrumento do telescópio, a NIRCam (Near-Infrared Camera ou câmera de infravermelho próximo), que opera em comprimentos de onda de 0,6 a 5 mícrons. Ela é capaz de atravessar o metano gasoso do planeta, que absorve a luz vermelha, dando a aparência azul.

netuno - NASA/ESA/CSA/STScI - NASA/ESA/CSA/STScI

Plano aberto, com diversas galáxias distantes; Netuno e sua lua Tritão (azul esverdeava) estão ao centro

Imagem: NASA/ESA/CSA/STScI

[ad_2]

UOL

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

MAIS ACESSADOS:

PUBLICIDADE: