Pesquisar
Close this search box.

CONQUISTE SEU LUGAR NA INTERNET COM SITES PROFISSIONAIS E PELO MENOR PREÇO. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS!

<<  VOLTAR AO INÍCIO

O que acontece se você cair num buraco negro? Cientista dá a resposta

O que acontece se você cair num buraco negro? Cientista dá a resposta

Compartilhe este conteúdo!

[ad_1]

Você já parou para pensar o que aconteceria se caísse em um buraco negro? Considerado um mistério do mundo astronômico, esse tipo de fenômeno já era teorizado por Albert Einstein e foi comprovado por Stephen Hawking. Mas, segundo a astrofísica e comunicadora de ciência Becky Smethurst, quem se aproximar de um pode ficar “congelado” no espaço e no tempo, além de ter o corpo esmagado, ficando parecido com um espaguete.

De acordo com a autora do livro “Uma Breve História dos Buracos Negros: E por que quase tudo o que você sabe sobre eles está errado”, se por algum motivo você caísse em um buraco negro, a jornada entre esses lugares faria com que seu corpo passasse pelo processo chamado de “espaguetificação”.

“A espaguetificação significa essencialmente que a gravidade em seus pés seria mais forte do que na sua cabeça, e você ficaria esticado como espaguete ao cair cada vez mais perto do buraco negro. É uma imagem bastante mórbida”, admitiu Smethurst, em entrevista à Newsweek.

Além disso, o seu corpo ficaria congelado no espaço e no tempo para sempre, já que, segundo o que se tem noção das leis da física, os sinais de luz dele levariam mais tempo para chegar até você por causa da força da gravidade.

“É quase como desacelerar a luz, à medida que se aproxima cada vez mais do buraco negro. E assim [o observador] nunca realmente o veria cruzar esse horizonte de eventos. Você pareceria congelado para sempre no espaço e no tempo. Há uma chance de que alguém que caia nesse buraco negro e desça esse gradiente de gravidade possa viver toda a sua vida humana viajando em relativa segurança [dentro do buraco negro]”, disse Smethurst.

Nem buracos, nem negros?

Outra curiosidade explicada por Smethurst é que os buracos negros “não são nem negros, nem exatamente buracos”.

“Eles são mais como montanhas de matéria do que buracos. Não há nenhum outro lado deles que os levem a algum lugar. É literalmente como se pegasse uma estrela e a esmagasse”, disse ela, à Newsweek.

Curiosamente, os buracos negros, apesar do nome, são alguns dos objetos mais brilhantes de todo o universo, segundo a cientista.

“Não é necessariamente o próprio buraco negro, porque são essas prisões de luz e você não pode obter nenhuma luz do buraco negro, mas da região ao redor do buraco negro”, completou.

Leia mais sobre os buracos negros nesta lista de 7 curiosidades sobre o fenômeno

[ad_2]

UOL

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

MAIS ACESSADOS:

PUBLICIDADE: